terça-feira, agosto 07, 2007

Portáteis a 150 euros? Façam as contas...

Ainda há quem não perceba a negociata que o Governo fez com as operadoras a propósito dos portáteis a 150€ para professores e papagueie a propaganda oficial. Uma questão para fazer pensar, então:

Pergunta: Se todas as escolas têm wi-fi gratuito para os professores e muitos também têm wi-fi em casa (ou podem ter por um preço razoável com base na sua ligação actual de internet), e o que não faltam por aí são pontos de acesso livre, por que razão é que os portáteis a 150 euros são vendidos obrigatoriamente com uma placa 3G?

Resposta: Com o portátil de 150 euros, os professores assinam um contrato de fidelização de 36 meses (?!) para o acesso à internet com a marca que fornece o portátil (TMN, Vodafone ou Optimus), com a mensalidade de 15 euros. Ora, 15 euros vezes 36 mensalidades são 540 euros que vão ser pagos ao longo do contrato.

150€ + 540€ = 690€ (fica mesmo baratinho, não é? Mais o que se há-de pagar por consumos extra, porque o tarifário da TMN, por ex., é o Banda Larga Light, com 1 GB de tráfego incluído)

Afinal, o "esforço financeiro" que as empresas de telecomunicações estão a fazer é apenas o que já fazem com os telemóveis, subsidiar o aparelho para recuperar o investimento nas mensalidades/consumo. Com a vantagem de pagarem a dívida com o estado. Não é um mau negócio, pois não?

Pergunta final, para quem ainda ficou com dúvidas: por que razão não é possível que um professor possa adquirir um destes computadores portáteis a 150 euros e prescindir da assinatura da internet?

4 comentários:

Xandra Frô, in hollywood! disse...

gatuuuuuuuuuuuuuunos é o que eles são todos...e o povinho acredita em tudo, desde que seja barato!
chuuuuuuuuuuuuuuulos!
e os outros são uns pacóooooooooooooooovios!

Anónimo disse...

Não estou mt dentro do assunto, mas para os alunos penso que o contracto com as operadoras é apenas de 12 meses.

150 + 12*15 = 330 euros

Para os computadores em questão parece-me um preço bastante bom, mesmo que nunca se utilize a placa wireless...

Anónimo disse...

O computador custa 150€ + (12*15€)= 330€. Porém, terá de efectuar um contrato de fidelização com a TMN de 36 meses, ou seja, vai pagar para além dos 330€ do PC, mais 36*15€= 440€ de Internet.
Fica assim com um encargo de 30€/mês.
Ficou estabelecido no protocolo entre o governo e as empresas de telecomunicações que o total mensal não pode ultrapassar os 35€/mês.

Range-o-dente disse...

http://fliscorno.blogspot.com/2007/09/ainda-os-portteis-uma-nota.html