terça-feira, agosto 14, 2007

Cartões electrónicos

Sócrates prometeu, no âmbito do Plano Tecnológico para a Educação, implementar em todas as escolas o cartão electrónico para "tirar o dinheiro da escola".

1. Não disse que muitas escolas já possuem tal sistema, que tem de ser pago obrigatoriamente pelos alunos. Grande parte desta medida já foi tomada por iniciativa dos conselhos executivos das escolas... é portanto o engenheiro (glup) das obras feitas.

2. Tirar o dinheiro da escola? Então, para se carregar o saldo do cartão, não se tem de levar dinheiro para a escola? E o cartão, vai ser pago pelos alunos? Ah, já percebi... ele quer é tirar dinheiro na escola!

Pagar para ter filas à porta da escola? Pagar para o saldo que fica no fim do ano ir para a escola? Pagar para encher os bolsos das empresas que produzem estes cartões? E qual é a vantagem?

Se/Quando esta medida entrar em vigor, volto a falar disto.

2 comentários:

Range-o-dente disse...

O problema tem a ver com desvios de dinheiro dentro da escola. À excepção de uns quantos roubos, assaltos, etc, o "problema" que a "medida" tenta resolver não tem a ver com os alunos.

Mais um caso em que a tecnologia tenta resolver coisas que o sistema é incapaz de resolver, como a segurança dentro das escolas, a assiduidade dos funcionários (professores também são funcionários), etc.

Cada vez a escola é menos humana e mais big brother.

Range-o-dente disse...

Só a Acção Social Escolar dá pano para mangas. Preciso fazer um desenho?